Pesquise por hashtags, nomes, e assuntos Pesquisar

Surya Dental

Materiais odontológicos e suas funções: conheça os principais

Alguns materiais odontológicos e suas funções atendem especialmente a alguma especialidade, como Implantodontia, Endodontia, Ortodontia ou Estética. Entretanto, há alguns produtos considerados de uso universal por qualquer consultório de dentista.

São equipamentos e descartáveis odontológicos básicos para o atendimento de pacientes, mantendo o conforto e a biossegurança do ambiente da clínica.

Listamos, neste post, os itens mais importantes para as especialidades odontológicas e como escolher produtos de qualidade. Veja só!

inserir banner da oferta de valor sobre materiais odontológicos

Clínica Geral

Os materiais odontológicos para Clínica Geral são usados por todos os dentistas, seja qual for a especialidade. Veja os mais essenciais para o consultório:

Autoclave

Todo consultório de dentista precisa de uma autoclave para esterilizar os materiais. O aparelho trabalha com vapor sob pressão para desinfetar instrumentais metálicos, canetas de alta-rotação, contra-ângulo, vidro, plástico, papel, algodão e tecido, além de embalagens (papel grau cirúrgico, papel crepado e caixas perfuradas).

A vantagem da autoclave sobre a estufa está na rapidez e na segurança, pois a porta do equipamento é travada durante o processo de desinfecção, o que não acontece na estufa.

Compressor

O compressor odontológico tem papel fundamental no funcionamento de alguns aparelhos do consultório, como micromotor, sugador e jato de profilaxia, pois é ele que fornece ar comprimido.

O ar que chega a esses aparelhos precisa estar puro, por isso a localização do compressor é um ponto importante para analisar. Ele deve ser instalado em local limpo e ventilado, fora de depósitos, despensas, porões, garagens, banheiros e áreas insalubres.

Conjunto odontológico

É um equipamento básico em todos os consultórios odontológicos, e formado por:

  • cadeira
  • pedal de comando
  • mesa do equipo
  • suctora
  • refletor
  • mocho

A cadeira deve oferecer conforto, ser funcional, ter braços anatômicos e rebatíveis e com estofamento sem costuras para facilitar a limpeza.

São duas opções do pedal de comando: multifuncional e multifuncional joystick. É o pedal que ajusta a inclinação e altura da cadeira e controla a rotação dos instrumentos.

A mesa do equipo é o suporte para as peças de mão. Há encaixes para seringa, mangueiras e bandeja.

A suctora tem cuba acoplada e sugador. O refletor funciona com lâmpadas LED ou halógenas. Já o mocho deve ter boa ergonomia e regulagem de altura.

Raio X

O aparelho de raios X gera dois tipos de radiografias odontológicas: periapicais e interproximais. De baixo custo, a radiografia é parte integrante do diagnóstico do paciente, assim como o exame clínico e o histórico.

materiais-odontologicos-e-suas-funcoes

Aparelho de raios X fornecem exames de baixo custo.

Os aparelhos de raios X mais indicados para o consultório têm braço articulável suave, boa estabilidade e isolamento da radiação.

Dentística Restauradora

Como o foco dessa especialidade é a reconstrução dos dentes afetados por traumas e cáries, os materiais odontológicos mais utilizados são para restaurações, coroas, tratamento de cáries, colocação de porcelanas e lentes de contato.

Fotopolimerizador

É um aparelho compacto utilizado para restaurações, clareamento, colagem de brackets, facetas e de lentes de contato dentais. O LED da ponteira do fotopolimerizador emite um feixe de luz azul que ativa os compostos da resina para fixá-los nos dentes.

Adesivos

Eles unem a estrutura do dente ao material restaurador, e podem ser de três tipos: fotopolimerizáveis, autopolimerizáveis e duais.

Cimento

Os cimentos odontológicos têm o papel de preservar a restauração. Existem quatro principais tipos:

  • Fosfato de zinco (antigo e mais barato)
  • Policarboxilato de zinco (mais tração e menor força de compressão)
  • Ionômero de vidro (sela sulcos, restaurações imediatas e recobrimentos)
  • Resinoso (para coroas e fixação de brackets).

Gel clareador

É um material odontológico utilizado no clareamento dental, com concentrações variadas de peróxido de hidrogênio – de 10% a 35%.

Resina composta

É utilizada para restaurações, reconstruções dentais e facetas. Proporciona um resultado natural, pois o material fica semelhante à cor do esmalte. A classificação da resina composta se dá por composição, tamanho e tipo de partículas de carga ou pela matriz orgânica. Cada tipo tem uma indicação.

Endodontia

O consultório precisa ser equipado com muitos materiais odontológicos, e suas funções são para tratamento de lesões e doenças da polpa dos dentes. Confira os principais:

Brocas

Responsáveis pelo preparo do acesso cavitário, as brocas rotacionadas por motores devem ser resistentes e ter bom acabamento. Veja alguns tipos:

  • Esféricas carbide: para remoção de cáries e desenhar o formato do contorno inicial do dente. Também utilizadas na remoção do teto da câmara pulpar.
  • Diamantadas esféricas: utilizadas para perfurar restaurações de porcelana, reduzindo o risco de trincas e fraturas. São aplicadas ainda para desgastar o esmalte e a dentina.
  • Transmetais: com maior eficiência no corte, são indicadas para atravessar restaurações de amálgama.
materiais-odontologicos-e-suas-funcoes

Material odontológico para Endodontia: brocas preparam o acesso para o canal.

Lima

É um instrumental de Endodontia com a função de preparar, dar formato e limpar a raiz para o tratamento do canal.

Guta-percha

Os cones de guta-percha são utilizados na moldagem do canal radicular e encontrados nos diâmetros de 15 a 140.

Prótese e implante

A área de Prótese atua na reconstrução e na reposição de dentes, devolvendo a capacidade mastigatória, o conforto e a estética aos pacientes. A Implantodontia trabalha com procedimentos complexos de próteses parciais ou totais, enxertos ósseos e implantes dentários. Veja os materiais essenciais para o desempenho das duas atividades:

Reembasador

O reembasador amortece a pressão mastigatória do paciente que utiliza próteses totais, parciais ou provisórias. Tem propriedade viscoelástica, que absorve a força da mastigação e distribui a pressão uniformemente, dando conforto ao paciente.

É um material encontrado tanto à base de resina, como de silicone.

Alginato

É um material odontológico utilizado para moldagem de próteses. Tem bom escoamento e boa elasticidade, permitindo uma ótima reprodução de detalhes. Algumas variedades de alginato são indicadas para presa rápida, ideal para pacientes que não suportam a moldagem por um período maior, como as crianças.

materiais-odontologicos-e-suas-funcoes

Moldagem com alginato: presa rápida e menor desconforto para o paciente.

Pino

São três os tipos de pinos existentes: metálicos (já obsoletos), fibra de carbono e fibra de vidro.

O mais versátil e utilizado para uma gama maior de tratamentos é o de fibra de vidro. Os pinos em fibra de carbono podem ser utilizados para locais onde há maior carga mastigatória. Já os metálicos caíram em desuso e são utilizados apenas em situações provisórias.

Ortodontia

A especialidade se dedica à correção da posição dos dentes e dos ossos maxilares. O tratamento é realizado com aparelhos fixos e móveis que movimentam os dentes até o ponto de um encaixe correto.

Brackets

Fabricados em metal, cerâmica, safira e resina, os brackets são peças utilizadas em pacientes com aparelhos ortodônticos. São colados sobre os dentes com resina fotopolimerizável.

Os do tipo metálico oferecem o melhor custo-benefício para o paciente, embora sejam menos atrativos esteticamente. Os brackets de safira têm boa durabilidade e são praticamente transparentes, o que os tornam os preferidos dos pacientes. O ponto negativo é custo elevado.

As peças de cerâmica são duráveis e apresentam bom resultado estético. Com relação ao preço, são brackets intermediários entre os de metal e de safira. Já os brackets de resina são mais frágeis, provocando trocas mais frequentes.

materiais-odontologicos-e-suas-funcoes

Brackets de cerâmica têm boa durabilidade e ótimo resultado estético.

Arcos ortodônticos

Os arcos ortodônticos são utilizados em aparelhos fixos e exercem forças sobre os dentes, movendo-os de acordo com o objetivo do tratamento. São fabricados com três ligas metálicas: níquel e titânio; aço inoxidável; cobre, níquel e titânio.

  • Níquel e titânio: moldam arcos flexíveis e que exercem pouca força sobre os dentes. São os arcos recomendados para o começo do tratamento.
  • Aço inoxidável: o material é capaz de exercer intensa pressão sobre os dentes. É o mais utilizado pelos ortodontistas na finalização do tratamento.
  • Cobre, níquel e titânio: é um arco termoativado e indicado para a fase inicial da correção dentária. Tem boa flexibilidade.

Descartáveis odontológicos

Todo consultório odontológico trabalha com materiais descartáveis. É recomendado que o profissional mantenha o estoque abastecido com esses itens para que não haja contratempos durante os atendimentos. Veja alguns:

  • Algodão
  • Gaze
  • Abaixador de língua
  • Luva e máscara
  • Seringa
  • Fios de sutura
  • Sugadores plásticos
  • Fitas para autoclave
  • Lâminas de bisturi
  • Agulhas gengivais

A escolha dos equipamentos e dos materiais odontológicos está ligada à especialidade da clínica, mas muitos itens fazem parte da rotina de todo consultório. Escolha produtos de qualidade e com marcas certificadas.

A Surya é uma dental online que trabalha com produtos dos melhores fabricantes de materiais odontológicos. Clique no banner para conhecer as variedades!

Comentários

  1. Otávio De Castilho Arruda disse:

    Parabéns pela iniciativa. 😀 As dicas são otimas e muito útil.

    1. Oi, Otávio! Obrigado pelo feedback. Continue acompanhando nosso blog 🤓

Deixe uma resposta para Marketing Surya Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Feito por Nerau Studio