Pesquise por hashtags, nomes, e assuntos Pesquisar

Surya Dental

Caso clínico: Restaurações estéticas anteriores com Sistema Aura-SDI

Sobre o autor

FONSECA, Rodrigo Borges
Prof. Adjunto da Área de Dentística e Materiais Dentários – Faculdade de Odontologia da Universidade Federal de Goiás.
Especialista em Prótese Dentária (UFU), Mestre em Reabilitação Oral (UFU) e Doutor em Materiais
Dentários (UNICAMP).
Coordenador dos Cursos e Clínica de Estética em Dentes Anteriores/Posteriores – FO/UFG

Introdução

A estratificação de resinas compostas em dentes anteriores possibilita mesclar materiais com diferentes características ópticas, com objetivo de atingir o mesmo padrão de cores demonstrado pelos tecidos dentais.

O uso da escala VITA para seleção de cores das resinas a serem usadas, embora seja amplamente difundido, apresenta-se limitado tanto pelo fato de que as resinas não estão perfeitamente adequadas à mesma(1), quanto pelo fato de que a referida escala não permite o entendimento de variações de translucidez, opacidade e brilho (valor).

Além disto, muitas variações e possibilidades de cores em um mesmo sistema podem confundir o clínico e levar a incoerências no resultado obtido. O sistema Aura, produzido pela SDI, com apenas 3 cores para esmalte e 7 cores para dentina (em seu kit básico) possibilita resultados extremamente naturais, integrando a restauração ao remanescente dental e proporcionando qualidade de brilho excepcional.

No caso que se segue, restaurações estéticas foram realizadas nos dentes 12 e 22, para o fechamento de diastemas pré-existentes, e no 21 para correção do bordo incisal. O caso foi acompanhado até o momento por 6 meses, sem qualquer intervenção posterior, demonstrando um potencial ótico interessante para este material.

Legendas para as figuras

caso clínico sdi

Fig. 1. Sorriso inicial da paciente com diastemas e mal posicionamento dentais.

caso clínico sdi

Fig. 2. Arcada superior demonstrando alteração no ângulo incisal mesial do dente
21 e diastema entre 22 e 21.

caso clínico sdi

Fig. 3. Seleção de cor com amostras das resinas de esmalte e dentina, nas cores E3, E2, E1,
DC1, DC2, DC3, da esquerda para direita. Observe que o esmalte 1 (E1) é o mais branco de todos,
sendo o E3 o mais translúcido, e o E2 intermediário. As cores de dentina são mais opacas e vão
cromatizando à medida que aumenta-se o número 1, 2, 3…. Deste modo, para o referido caso foi
selecionado uma cor intermediária para o Esmalte, E2, e as cores DC1 e DC2 para a dentina. Veja que
a seleção de cores é fácil e rápida devido a harmonia de cor do material e opções otimizadas de cores.

caso clínico sdi

Fig. 4. Condicionamento ácido do esmalte por 15s com ácido fosfórico 35%
(Ultra-etch, Ultradent, EUA)

caso clínico sdi

Fig. 5. Aplicação ativa do Sistema Adesivo SingleBond Universal (3M, EUA)

caso clínico sdi

Fig. 6. Base palatina feita com esmalte E2 em fina espessura e halo incisal sendo criado
com DC1.

caso clínico sdi

Fig. 7. Região interna correspondente à dentina, feita com DC2.

caso clínico sdi

Fig. 8. Preenchimento final do dente 21 com E2.

caso clínico sdi

Fig. 9. Resultado imediato final após a restauração dos dentes 22 e 12, seguindo o mesmo padrão de estratificação do dente 21, ou seja, base palatina com E2, dentina com DC2 e recobrimento vestibular com E2.

caso clínico sdi

Fig. 10. Início do acabamento com ponta diamantada fina, sendo finalizado com ponta extrafina.

caso clínico sdi

Fig. 11. Polimento feito com Kit Prof. Rodrigo Fonseca (DhPro). Foram usados: Pontas de óxido de alumínio grossa (cinza) e fina (rosa), escova de carbeto de silício, escova de crina de cavalo e brilho final com roda de algodão e pasta de polimento Superpolish (Kerr), como visto nesta fotografia.

caso clínico sdi

Fig. 12. Sorriso após acabamento e polimento imediatos. Observe a integração perfeita da resina com características óticas idênticas aos dentes naturais.

caso clínico sdi

Fig. 13. Vista mais próxima dos dentes restaurados demonstrando a naturalidade obtida.

caso clínico sdi

Fig. 14. Características anatômicas obtidas e lisura superficial.

caso clínico sdi

Fig. 15. Acompanhamento após 6 meses. A beleza das restaurações está mantida.

caso clínico sdi

Fig. 16. Sorriso após 6 meses de acompanhamento demonstrando manutenção de
brilho e forma.

caso clínico sdi

Fig. 17. Manutenção dos mesmos aspectos estéticos obtidos no início, após os 6
meses de acompanhamento. Compare com a fig. 14.

Referências

Barcellos DC, Torres CR, Pucci CR, Borges AB, Goncalves SE, Limeira R, et al. Assessment of color fidelity of several composite resins compared to their Vita Classical shade registration. Gen Dent. 2010;58: e206-9.

Endereço para correspondência:
Prof. Dr. Rodrigo Borges Fonseca
Faculdade de Odontologia – Universidade Federal de Goiás
Praça Universitária esquina com 1ª. Avenida, s/n, Setor Universitário
Goiânia – GO – Brasil. CEP: 74605-220
e-mail: rbfonseca.ufg@gmail.com
Tel.: +55-62-32096325.
Fax: +55-62-32096054.

Clique no banner abaixo para conferir mais produtos SDI:

caso clínico sdi

Fala pra gente o que achou

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Feito por Nerau Studio